Qual a melhor forma de estudar para concurso?

Tempo de leitura: 5 minutos

Um emprego insatisfatório, a ameaça de perder o seu serviço, a estagnação profissional, o desemprego ou mesmo um objetivo de vida. Uma vaga no funcionalismo público é bastante desejada por milhões de brasileiros, principalmente, durante uma grave crise econômica que coloca em risco milhares de vagas de trabalho. No entanto, esse sonho não é nada simples de ser realizado e exige dedicação, planejamento e muita força de vontade.

Mas, se você está convicto que vale a pena investir tempo e dinheiro para contar com uma preparação de qualidade para o concurso público, vá em frente. Ninguém pode decidir o melhor para a sua vida, além de você mesmo. No entanto, qual é a melhor forma de estudar para as provas? Basicamente, o grande segredo é saber organizar o seu estudo para não se sobrecarregar.

Afinal, uma preparação para concurso público se trata de uma maratona e não de uma corrida de cem metros rasos.

Estudar para Concurso: Dicas para organizar e maximizar o seu tempo de estudoбизнес

Qual é o seu tempo especifico para o estudo? Você trabalha em algum serviço integralmente, apenas estuda ou faz serviço autônomo? A primeira ação é separar a quantidade de horas por dia que podem ser usadas apenas para o seu estudo.

Ao chegar nessa conclusão, você conta com um cenário muito mais especifico do quanto pode se exigir diariamente. Não adianta nada se programar para estudar a noite inteira, se na próxima manhã é necessário correr para o serviço.

Por isso, monte um cronograma de estudo que seja compatível com a sua rotina. E, tenha o cuidado de inserir um intervalo de, ao menos, 15 minutos após duas horas consecutivas de estudo. Essa pausa pode ser bastante útil para manter a sua concentração e foco no estudo.

Leia também: Estudando para o concurso? Descubra técnicas para facilitar a sua preparação

O que você vai estudar hoje? Não adianta muito esperar para decidir o assunto a ser estudado na hora. O mais indicado é montar um cronograma de acordo com o conteúdo indicado no edital do concurso público. E nada de fugir das matérias que você tem mais dificuldade.

Tente dar prioridade para as disciplinas mais problemáticas e também se concentre nos temas de sua especialidade. Muita gente acaba perdendo pontos porque comete o erro de menosprezar uma disciplina ou se focar inteiramente nos seus pontos fortes. Saiba dar o tempo devido para cada questão abordada no edital do concurso para não ser surpreendido na prova.

Quando você se sentar para estudar esteja presente de corpo e mente. Não deixe para estudar com problemas, dúvidas ou com cansaço acumulado. Você precisa contar com sua concentração total para que o tempo de estudo seja muito bem aproveitado.

Por isso, é tão importante se organizar e não se sobrecarregar em um dia ou no fim de semana. Tente manter a concentração e se notar que está muito distraído, faça um intervalo ou mesmo um lanche. Com mais disposição, volte a estudar e aproveite os minutos de preparação.

Leia também: Como trabalhar a memorização para concurso?!

A pratica leva a perfeição. E isso também vale durante a sua preparação para os concursos públicos. Afinal, você vai ter um tempo limitado para fazer uma prova extensa, anotar as questões, passar a redação a limpo e preencher o cartão-cartão com bastante calma para não cometer erros.

Por isso, tire alguns dias para fazer uma espécie de simulação real da prova. Procure um ambiente tranqüilo e silencioso, marque o tempo que você terá a disposição no dia oficial e comece a simulação.

Hoje em dia, é possível encontrar as últimas provas da maioria dos concursos com facilidade na internet. Então, tome esses exemplos como base para o seu treinamento. Essa pratica é excelente para dimensionar o seu desempenho dentro do tempo limite. Portanto, nada de “colar” ou aumentar o tempo de prova.

Boa parte dos concursos públicos está começando a exigir a produção de uma redação. Com a redação, os corretores contam com uma opção a mais para analisar o conhecimento e o poder de discussão do candidato. Por isso, é essencial dedicar um tempo para a leitura e também para a produção de textos variados. Não se atenha a escrever apenas sobre os assuntos do concurso, tente também mostrar o seu ponto de vista com relação a temas atuais e que podem cair na prova. Vale destacar a importância de defender com bons argumentos todos os seus motivos. Por isso, ler sempre é indicado como forma de estudo e de lazer.

Leia também: 4 dicas para você ler mais rápido

Com a aproximação da prova, muitos candidatos tendem a se desesperar e achar que a preparação não está adequada. No entanto, não adianta nada querer rever toda a matéria faltando pouquíssimos dias para o concurso público. Às vésperas da prova, o indicado é rever as suas anotações, o seu resumo e tirar algumas dúvidas pontuais. Nada de passar noites em claro para estudar. Tente manter a calma e a confiança na sua preparação.

Se você gostou do artigo qual melhor forma de estudar para concurso que apresentamos aqui, clique em algum dos links abaixo para ajudar a divulgar esse artigo.

Espero que tenha gostado!

Abraço e até o próximo artigo.